Igreja de Santiago Maior, Matriz de Adeganha

  • 1
  • 2
  • 3

É um dos mais belos exemplares de arquitetura românica de transição para o gótico (sécs. XIII-XIV) da região, classificada como Monumento Nacional.
A fachada principal apresenta um arco quebrado decorado, existindo no mesmo pano dois baixos-relevos figurativos, um deles representando um parto.
O interior da Igreja foi revestido por pinturas murais dos sécs. XV e XVI, que se conservam parcialmente. É de realçar o apóstolo Santiago na capela-mor, assim como o gigante S. Cristóvão, ou o friso alusivo à natividade. O altar principal é de talha barroca (estilo nacional), possuindo dois painéis pintados quinhentistas de elevado valor artístico, representando S. Martinho e S. Lourenço.