Baldoeiro

  • 01

Sítio arqueológico notável pela persistência de povoamento, pelo menos desde o período Calcolítico até à Idade Média. O povoado medieval, em que se incluem as ruínas de uma igreja românica, uma necrópole de sepulturas escavadas na rocha e os vestígios de uma torre roqueira. Durante as escavações arqueológicas entre 1987 e 1991 foi detetada a presença de ocupações datáveis do Calcolítico, Idade do Bronze e da Idade do Ferro.
No interior das ruínas da igreja foi encontrada, nos meados do séc. XIX, uma ara com uma inscrição votiva fazendo referência à Civitas Baniensis, o único vestígio significativo da época romana detetado até ao momento. Em algumas fragas graníticas da estação encontram-se insculturas serpentiformes que poderão ser da Idade do Ferro.
Encontra-se classificado com Imóvel de Interesse Público.